Política - 26/09/2015

Câmara age para que COAFAI não perca recursos federais.

No Brasil, a agricultura familiar responde por sete em cada dez empregos no campo e por cerca de 40% de toda a produção agrícola.



Na sessão de segunda-feira (21), a Câmara aprovou Moção de Apelo, assinada por todos os vereadores, dirigida à deputada Márcia Lia (PT), presidente da Frente Parlamentar de Agricultura Familiar do Estado de São Paulo.

No documento o Legislativo pede a intervenção da deputada para que não haja corte no dinheiro do governo federal destinado aos pequenos produtores participantes do PAA - Programa de Aquisição de Alimentos, do qual a Coafai - Cooperativa dos Agricultores Familiares de Itararé faz parte. Só neste ano são mais de R$ 2 milhões que estão sendo destinados ao pagamento da produção de 800 famílias da zona rural do município, com projeção de R$ 2,6 milhões para 2016.

Por meio do PAA o governo federal compra o alimento das cooperativas de agricultores familiares para atender programas sociais. Pelo programa, a Coafai fornece atualmente alimentos para 60 entidades de Itararé e região.

"Em encontro recente de cooperados em São Paulo, ouvimos de fontes seguras que do investimento previsto para o Estado de São Paulo em 2016 - R$ 140 milhões, seriam liberados apenas R$ 45 milhões, o que configura um desastre para os pequenos agricultores. Um sinal de alerta de que algo está errado é que até agora nada se falou sobre o contrato de fornecimento para 2016, que é normalmente assinado no mês de setembro", afirmou com preocupação Tigrinho, presidente da Coafai, presente à sessão.

Nos pronunciamentos os vereadores demonstraram apreensão com o impacto negativo desta redução de verba na economia do município e na vida de centenas de famílias, assumindo o compromisso de mobilizar também deputados estaduais e federais com quem têm afinidade em prol desta causa.

No Brasil, a agricultura familiar responde por sete em cada dez empregos no campo e por cerca de 40% de toda a produção agrícola.

Veja mais


Deputado Dr. Ulysses torna-se cidadão de Bom Sucesso de Itararé.

A honraria foi proposta pelo vereador Dirceu e aprovada por unanimidade pelos demais.

Ler notícia

Vereadores querem PM com jornada extra no município.

Este regime recebeu o nome técnico de Diária Especial por Jornada Extraordinária de Trabalho Policial Militar (Dejem).

Ler notícia

Em sessão solene, Legislativo homenageia itarareenses.

Oito títulos de Cidadão e cinco de Honra ao Mérito mais o Atirador Destaque.

Ler notícia


Comentários