Política - 26/09/2015

Câmara age para que COAFAI não perca recursos federais.

No Brasil, a agricultura familiar responde por sete em cada dez empregos no campo e por cerca de 40% de toda a produção agrícola.



Na sessão de segunda-feira (21), a Câmara aprovou Moção de Apelo, assinada por todos os vereadores, dirigida à deputada Márcia Lia (PT), presidente da Frente Parlamentar de Agricultura Familiar do Estado de São Paulo.

No documento o Legislativo pede a intervenção da deputada para que não haja corte no dinheiro do governo federal destinado aos pequenos produtores participantes do PAA - Programa de Aquisição de Alimentos, do qual a Coafai - Cooperativa dos Agricultores Familiares de Itararé faz parte. Só neste ano são mais de R$ 2 milhões que estão sendo destinados ao pagamento da produção de 800 famílias da zona rural do município, com projeção de R$ 2,6 milhões para 2016.

Por meio do PAA o governo federal compra o alimento das cooperativas de agricultores familiares para atender programas sociais. Pelo programa, a Coafai fornece atualmente alimentos para 60 entidades de Itararé e região.

"Em encontro recente de cooperados em São Paulo, ouvimos de fontes seguras que do investimento previsto para o Estado de São Paulo em 2016 - R$ 140 milhões, seriam liberados apenas R$ 45 milhões, o que configura um desastre para os pequenos agricultores. Um sinal de alerta de que algo está errado é que até agora nada se falou sobre o contrato de fornecimento para 2016, que é normalmente assinado no mês de setembro", afirmou com preocupação Tigrinho, presidente da Coafai, presente à sessão.

Nos pronunciamentos os vereadores demonstraram apreensão com o impacto negativo desta redução de verba na economia do município e na vida de centenas de famílias, assumindo o compromisso de mobilizar também deputados estaduais e federais com quem têm afinidade em prol desta causa.

No Brasil, a agricultura familiar responde por sete em cada dez empregos no campo e por cerca de 40% de toda a produção agrícola.

Veja mais


Câmara rejeita instalação de nova Comissão Processante.

O resultado foi de 08 votos favoráveis a rejeição contra 04.

Ler notícia

Municípios se juntam para cuidar da iluminação pública

Na foto da esquerda para a direita - Jairo da Costa e Silva, Luis Carlos Colturato, Eduardo Gradin, Laércio Amado e Ida de Souza

Ler notícia

Vereador questiona prestação de contas que alega ser falsa

Vereador Dr. Junior alega irregularidades na prestação de contas apresentada para os vereadores

Ler notícia

Corte no salário dos funcionários públicos foi o assunto principal na última sessão da Câmara.

Dr. Junior disse que somente com o corte das bonificações de apadrinhados da prefeita, seria possível manter os salários dos padrões menores.

Ler notícia


Comentários