Agricultura - 08/09/2015

Mudanças no clima e suas implicações frente à produção de hortaliças.

O livro é composto de sete capítulos, que discorrem sobre as projeções climáticas para o final do século no Brasil.



"Mudanças climáticas e produção de hortaliças: projeções, impactos, estratégias adaptativas e mitigadoras" é o título do livro que a Embrapa Hortaliças (Brasília, DF) coloca à disposição de interessados e estudiosos sobre o tema. Editado sob a forma de coletânea, o livro traz contribuições de pesquisadores que discorreram sobre o tema durante workshop realizado em 2013.

Idealizador da proposta, o pesquisador Carlos Pacheco compartilhou a edição técnica com os pesquisadores Mariana Fontenelle e Marcos Braga. Ele explica que a ideia da edição partiu da constatação da pouca literatura existente no País sobre o assunto. "No Brasil, há poucas pessoas trabalhando com a temática, especialmente quando se trata de produção de hortaliças, então decidimos resgatar as discussões que tiveram lugar naquele workshop, convidando os palestrantes para escreverem os capítulos do livro", informa Pacheco.

Ele acrescenta que apesar do foco em hortaliças, tanto o evento como o livro contaram com a participação de pesquisadores com abordagens correlatas. Um dos exemplos é a presença nos dois cenários do pesquisador Wagner Soares, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), para quem as últimas avaliações do Intergovernmental Panel ou Climate Change (IPCC) mostram que "as mudanças climáticas ocorrem num período mais curto do que o necessário para adaptação dos nossos ecossistemas".

O livro traz contribuições nesse sentido, na medida em que aponta algumas estratégias de adaptação que partem do melhoramento genético para chegar a alterações dos sistemas produtivos e dos meios de produção. Segundo Pacheco, no caso do melhoramento genético, as projeções apontam para a busca de genótipos adaptados ao calor e ao estresse hídrico, "seja por falta ou por excesso de água". "As duas vertentes são importantes: tanto a adaptação à escassez, quanto a adaptação ao excesso", reforça o pesquisador.

CAPÍTULOS

O livro é composto de sete capítulos, que discorrem sobre as projeções climáticas para o final do século no Brasil, sobre os desafios que a olericultura brasileira deve enfrentar nesses cenários, sobre projeções de demanda hídrica para o meloeiro produzido no Nordeste brasileiro, sobre o efeito das mudanças climáticas nas doenças que afetam as hortaliças, sobre estratégias para o melhoramento genético num cenário de mudanças do clima e sobre o papel das atividades agropecuárias, especialmente a olerícola, nas emissões de gases de efeito estufa.

O livro pode ser adquirido através do site www.embrapa.br/livraria ou pelos telefones (61) 3448-4008/4008.

Anelise Macedo (MTB 2749/DF) 
Embrapa Hortaliças 
hortalicas.imprensa@embrapa.br 
Telefone: (61) 3385-9109

Veja mais


Curso de Doma Racional foi realizado em Itararé. Leia matéria e assista a reportagem

Técnica ensina a respeitar o animal e procurar entendê-lo sem violência

Ler notícia

Secretaria de Agricultura alerta sobre ocorrência de casos de raiva em bovinos.

População rural deve se preocupar em vacinar seus animais.

Ler notícia

Em março, IBGE prevê safra 3,6% maior que a de 2014.

Índice foi baseado no LPSA que é uma pesquisa mensal de previsão e acompanhamento das safras dos principais produtos agrícolas.

Ler notícia

Agricultores de Itararé assinam contratos do PNHR

A construção conta com subsídios dos governos Federal e Estadual.

Ler notícia


Comentários